Game of Thrones 07×01 | Dragonstone

270 0

O tão esperado primeiro episódio da sétima temporada de Game of Thrones chegou. Embora já tenhamos sido avisados de que a próxima (e última) possivelmente virá só em 2019, não esperávamos a hora de sair os poucos episódios que teremos nesta season.

Por histórico, Game of Thrones não tem um primeiro episódio muito eletrizante, embora haja sempre informações importantes. Normalmente, a tensão e a aventura crescem no decorrer da temporada e não poderíamos esperar nada diferente aqui também. Confira o nosso review dividido por núcleos.

OS STARKS

Do ponto de vista da ação, a primeira cena foi a melhor do episódio. Na última vez que vimos Arya Stark (Maisie Willians), ela havia matado Walder Frey (David Bradley) e seus filhos. A nova temporada começa com Frey (Ué? Mas ele não havia morrido?) reunindo-se com todos os Freys, com o propósito de lhes dizer seus planos para a família. Durante o discurso, ele propõe um brinde, em homenagem aos homens que o ajudaram a matar os Starks no Casamento Vermelho. Todos bebem, menos Frey, até que, um a um, os presentes caem. Com a técnica aprendida com o Deus de muitas faces, Arya é revelada sob a máscara de Frey, tendo concluído sua vingança contra a casa que assassinou parte de sua família, extirpando os Freys da face dos Sete Reinos.

Game of Thrones

Os Starks, definitivamente, são meus favoritos! Embora eu goste muito da Daenerys Targaryen (Emilia Clarke) e a ache fantástica, o meu personagem favorito é a mistura perfeita, meio Stark e meio Targaryen: Jon Snow (Kit Harrington)… ou seria Jon Stark-Targaryen? Falando dele, já o vemos no seu posto de Rei do Norte coordenando a grande guerra com todas as casas do Norte. Ele sanciona que todos, de 10 a 60 anos, têm que lutar, incluindo as mulheres. Lorde Glover (Tim McInnerny) protesta, mas é silenciado pela forte Lady Mormont (Bela Ramsey) que, mais uma vez, demonstrou a mesma força da temporada anterior, respondendo a Lorde Glover com um belíssimo sermão e com a melhor frase: “não preciso de sua permissão para defender o Norte”.

O que me preocupa é que Littlefinger (Aidan Gillen) pode finalmente conseguir colocar Sansa (Sophie Turner) contra Jon. Ela questiona seu meio-irmão na frente de todos sobre manter os castelos dos traidores Umbers e Karstarks, ao invés de dá-los às famílias que realmente lutaram ao lado dos Stark contra Ramsey Bolton (Iwan Rheon), porém Snow, mais uma vez demonstrando que é um rei mais digno do que todos os outros que já vimos, diz que não vai culpar filhos por traição dos pais ou vice-versa e faz os jovens jurarem novamente lealdade à casa Stark, feito por eles de bom grado. Sansa e Jon conversam depois sobre brigar na frente dos outros e que isso não pode mais ocorrer, mas acredito ser apenas o começo. Na sequência, eles recebem um corvo de Cersei (Lena Headey) exigindo a todos que fossem até Porto Real ajoelharem-se diante dela sob o risco de sofrerem as consequências dos traidores. Sansa aconselha Jon a levar a ameaça de Cersei tão a sério quanto aos White Walkers, o que nos dá um grande indício de que a grande guerra contra os Outros ocorrerá depois do trono estar finalmente ocupado em definitivo.

Sobre o último dos Starks vivo: Bran (Isaac Hempstead Wright) chega a Castle Black e é recebido pela guarda da noite. Por proximidade, minhas fichas estão em que ele irá encontrar Sansa e Jon muito em breve e finalmente revelar quem Jon é, mas isso somente os próximos episódios nos dirão.

OS LENNISTERS DE PORTO REAL

Cersei, em uma nova sala com o mapa de Westeros (desenhado lindamente no chão), conversa com Jamie (Nikolaj Coster-Waldau) sobre os inimigos que vêm de todos os lados (com mais detalhes do que vimos no trailer). Vemos no Jamie a mesma expressão que vimos no final da temporada anterior, quando da coroação de Cersei. Ela percebe e o questiona se ele está bravo com ela. Na negativa, ela pergunta se ele está com medo. E ele responde com um “eu deveria?”. Será que Jamie, o Regicida, dará um fim na Cersei? Gostaria muito mais se fosse a Arya ou até mesmo um dragão, mas confesso que este fim também me agradaria.

Questionada sobre as alianças, Cersei aguarda Euron Greyjoy (Johan Philip Asbaek) para uma proposta. Jamie é claramente contra e no encontro dos três, na sala do trono, fica claro que Euron também não é muito fã dele. Euron quer um casamento, mas Cersei declina da proposta e o mesmo promete conquistá-la com um presente, como prova de sua confiança. Cabe mencionar que eles já sabem que Tyrion (Peter Dincklage) é a Mão da Rainha de Daenerys e sabem também que Jon Snow é o novo Rei do Norte.

SAMWELL TARLY

Em Cidadela, vemos a nova (e cômica, se não fosse trágica) rotina de Samwell Tarly (John Bradley): pega comadre, joga os dejetos fora, limpa comadre, serve comida, guarda livro, pega comadre, joga os dejetos fora, limpa comadre, serve comida, guarda livro e daí por diante, dia após dia.

Ele pede a um meistre acesso à área restrita e, como mais uma vez lhe é negado, ele rouba a chave e pega um livro escondido para leitura. Em sua leitura, nos é revelado que Dragonstone foi construída em cima de uma montanha de vidro de dragão, arma esta que, como já nos foi mostrado nas temporadas anteriores, é a única realmente eficaz para matar um White Walker. Sam imediatamente escreve a Jon Snow.

Fechando a participação de Sam, ele está retirando pequenas bacias de prisioneiros e, de uma das celas, sai o braço de Sor Jorah (Ian Glen), com a doença bem mais avançada, perguntando se Daenerys já havia chegado.

O CÃO DE CAÇA

Na temporada anterior, após o desastroso embate com Brienne (Gwendoline Christie), Sor Gregor Clegane (Rory McCann) foi salvo por um septão e até chegou a seguir os seus ensinamentos, até que o septão e todos seus seguidores foram mortos. Em sua busca por vingança, ele reencontra Thoros de Myr (Paul Kaye) e Beric Dondarrion (Richard Dormer), também punindo os assassinos do septão e, desde então, o Cão está com eles. Na nova temporada, eles param em uma casa em busca de abrigo por conta do frio. Coincidentemente, o local havia sido habitado por pessoas que foram mortas pelo próprio Sor Gregor, em companhia de Arya, cinco temporadas atrás. Embora ele não revele o fato aos seus novos companheiros, vemos a transformação do personagem e sua redenção no meio da noite, quando ele dá um enterro digno aos falecidos moradores da casa e realiza até uma tentativa de oração.

Em sua busca por entender por que Thoros e Dondarrion são adoradores do Senhor da Luz, Sor Gregor é convidado a procurar nas próprias chamas a resposta e ele tem uma visão no fogo: vê uma muralha de gelo, onde encontra o mar, um castelo em uma montanha, que parece uma ponta de flecha, e vê que milhares de mortos estão passando por ela. Estou bem curiosa para saber como este grupo irá se juntar aos outros já mencionados acima.

WHITE WALKERS

Quanto aos White Walkers, eles aparecem: andando… e só. Desde a primeira temporada, temos cenas como esta. Acredito que teremos cenas de embate envolvendo os “Caminhantes”, como aquela massiva contra os Selvagens, ou até mesmo a cena em que perdemos Hodor (Kristian Nairn) – RIP –, mas também creio que a grande guerra com eles acontecerá somente na próxima temporada. A única novidade é que eles têm gigantes! Isso vai ser massa e pode nos render embates épicos (tomara que nesta temporada).

DAENERYS TARGARYEN

É bem emocionante a chegada de Daenerys a Dragonstone. A sequência possui uma fotografia lindíssima e o castelo é maravilhoso, mesmo que bem abandonado. Os ornamentos e decorações de dragão também são muito bonitos. Ela observa tudo, passa pela sala do trono e vai até uma sala que também tem um mapa de guerra, já mostrado anteriormente, quando ocupado por Stannis Baratheon (Stephen Dillane). Bem, a única frase que ela proclama neste episódio é “Vamos começar?” e o episódio acaba.

Agora só nos resta aguardar por mais detalhes na próxima semana. O episódio foi bom, mas deixou um gostinho de quero mais. Nos acompanhem nas próximas semanas. Estaremos revisando cada episódio de Game of Thrones no detalhe e conjecturando sobre o futuro e final da série. O que vocês acharam? Deixem seus comentários abaixo e fiquem ligados no Mundo Blá!

Total 2 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?

Quem escreveu isso?

Sou uma louca viciada em filmes e seriados a quase 30 anos. Finalmente inicio minha carreira profissional como escritora desta página e não pretendo parar. Me aguardem!